História das Mulheres - Rachel Soihet

Produzido por nós alunos do curso de Licenciatura em História da Uneb – Ead, (Lincoln dos Santos Reis, Linda Inês Ferreira Amaral, Marcus Roberto Correia, Maria Aparecida Cruz Afonso, Maria Aparecida de Novaes Brandão) este blog tem em seu conteúdo um pouco da história das mulheres. Fundamentado no texto "História das Mulheres" de Rachel Soihet, procura relatar a mulher como um ser que conseguiu com muitos anos de luta provar que não só fez, como faz parte da construção da história.

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

História das Mulheres - Rachel Soihet

Mulheres, nome que poderia muito bem ter o significado de persistência, perseverança, paciência e esperança; as lutas com o passar do tempo não às desanimavam mesmo tendo que muitas vezes ultrapassar os seus limites. Elas saíram dos limites impostos e construíram a sua própria história com unhas e dentes. Baseado neste texto as mulheres eram vistas como um sexo inferior aos homens sendo de certa forma dispensável no trabalho fora de casa perante a sociedade não tinham direitos; foram preparadas para serem boas donas de casa cuidar de marido e filhos, porém, elas não estavam satisfeitas, sabiam que tinham potencial para ir além. As mulheres lutaram muito no decorrer da história. Na década de 60 começou a onda do movimento feminista pressões que resultaram conquistas nas universidades em cursos, colóquios, grupos de reflexos, pesquisas, revistas direcionadas a elas. E a luta não para por ai buscavam ainda reivindicações relativas aos direitos políticos, direitos sociais, proteção principalmente o que diz respeito à maternidade. E as mulheres crescem se destacando como lideres, enfrentado preconceitos e discriminações. Um exemplo as “visionárias” o surgimento do movimento feminista também traz reflexos no ramo autônomo, sei que falta muito ainda a se alcançar, porém passos grandes foram dados e as conquistas estão sendo colhidas hoje, e por esse motivo, nós mulheres dos dias atuais estamos fazendo faculdade.  
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário